Buscar
  • Rodynele Mota

Como Montar uma Equipe de Alto Impacto em 7 Passos



Olá! Tudo bem, Líder?


Como está a “retomada” nos negócios e na vida?


Trazendo hoje mais informações importantes para aumentar o seu potencial como Líder, baseadas em uma pesquisa.


Olha só que interessante…


Os pesquisadores Tudor Rickards e Susan Mogers, da Manchester Business School, estudaram mais de duas mil equipes de empresas de 40 países.


Eles concluíram que o sucesso dos times está diretamente relacionado com a Liderança.


Leu direitinho? É isso mesmo! DIRETAMENTE RELACIONADO COM A LIDERANÇA… Forte, mas é verdade pura!


Um excelente Líder cresce com o time, e faz o time crescer com ele!


Ninguém carrega ninguém. Todos evoluem juntos em direção aos mesmos objetivos, contribuindo para um clima agradável e que proporcionará grandes resultados para o todo.


Os pesquisadores levantaram 7 características de um time de Alto Impacto – e também o que o Líder deve fazer para ajudar o time a desenvolver essas características.


Sente só “a pegada”:


1. Entendimento:

  • Incentivar o compartilhamento de crenças e valores para estimular e fortalecer a compreensão mútua;


2. Visão compartilhada:

  • O Líder desenvolve e compartilha uma visão com o time;


3. Clima:

  • O Líder fomenta um ambiente de bonança e cooperação;


4. Resiliência:

  • O Líder encoraja o time a superar dificuldades sem perder a motivação;


5. Ideias viram ações:

  • De um lado, o Líder estimula a geração de ideia; do outro, fortalece o comprometimento do time para que as ideias sejam executadas;


6. Ativação em rede:

  • Para se desenvolver, o time precisa realizar trocas com o ambiente à sua volta; o Líder contribui com isso evitando que a equipe se feche em si mesma;


7. Aprendizado na prática:

  • O time aprende fazendo; o Líder auxilia a equipe a estruturar, direcionar e otimizar o aprendizado.


E para complementar isso, deixando tudo bem bonitinho, vamos conhecer os 3 “Cs”.


A empresa e o time esperam que o Líder demonstre os três grandes “Cs”:


Criatividade, Compromisso e Capacidade de unir.


O primeiro “C” é a criatividade, a fonte geradora de novos produtos e serviços e de soluções inovadoras.


A criatividade contribui para transformar divergências em experiências enriquecedoras, e aumenta a motivação – as pessoas se sentem mais motivadas quando tem espaço para criar.


Estabelecer metas e tarefas desafiadoras é um dos modos pelo qual o Líder criativo estimula a criatividade da equipe.


O segundo “C” é o compromisso. O Líder deve se comprometer:


  • Com a empresa;

  • Com resultados acima do esperado;

  • Alinhando os objetivos do time e da organização;

  • Gerindo com eficiência recursos, pessoas, processos, sistemas e ferramentas;

  • Desenvolvendo estratégias para garantir lucratividade e sustentabilidade;

  • Delegando responsabilidades e oferecendo oportunidades;

  • Liderando com justiça e imparcialidade;

  • Conhecendo e atendendo as necessidades da equipe;

  • Motivando e dando feedback com cada membro do time;

  • Conhecendo as forças, os talentos de cada um e os seus méritos;

  • Combinando adequadamente talentos, tarefas e funções;

  • Entendendo as necessidades individuais e oferecendo os desafios que cada um precisa para se desenvolver.


O terceiro “C” é a capacidade de unir. O Líder mantém a equipe unida no dia a dia da empresa, nos momentos de tensão e ao longo do convívio duradouro.


Para desenvolver sua capacidade de unir, observe estas dicas:


  • Invista no desenvolvimento de suas habilidades de comunicação, relacionamentos e resolução de conflitos. E nas do time também;


  • Compartilhe uma visão relevante, com a qual todos se sintam comprometidos. Nada une mais do que visão e objetivos comuns;


  • Seja sincero com sua equipe. Veja bem, Jack Welch, o ex-CEO da GE, que faleceu recentemente, foi considerado o mais influente Líder empresarial do século.


Ele foi responsável por levar a General Electric ao posto de segunda maior empresa do mundo.


Reflita sobre o que ele disse: “Frequentemente, temos medo de admitir a verdade e essa falta de honestidade pode ter um imenso custo financeiro para a empresa”.


  • O Líder pode ser um elemento agregador ou desagregador. Tudo depende de sua capacidade de inspirar confiança;


  • As pessoas confiam num Líder que é coerente.


Só para reforçar e terminar, vamos de John C. Maxwell:


“Tudo sobe e tudo cai por causa do Líder”


Se você entender que funciona assim, terá grandes resultados em Liderança.


Até breve!


Você pode ver também esse conteúdo em vídeo e muito mais, nesse link: Rodynele Mota | Linktree



E Lembre-se sempre: ”Se você finge que faz, os resultados fingem que acontecem. Faça!”




Rodynele Mota


13 visualizações0 comentário